Notícias

Cruzeiro na FIFA: outras ações seguem em julgamento, mas sem data para pagamento

Por Samuel Venâncio, 30/05/2020 às 09:52
atualizado em: 31/05/2020 às 10:39

Texto:

Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro
Gustavo Aleixo/Cruzeiro

Depois de pagar quase R$ 4 milhões ao Club Zorya, da Ucrânia, o Cruzeiro não tem mais ações com ordem de pagamento, no momento, para o primeiro semestre deste ano. Para o segundo semestre, a dívida a ser paga, por enquanto, é a do Al-Wahda, pelo empréstimo de Denilson, já que o clube ganhou um novo prazo após perder os 6 pontos. O valor está na casa dos R$5 milhões e o Cruzeiro tem aproximadamente cinco meses para quitar. 

A reportagem da Itatiaia apurou que as outras ações estão em julgamento na Fifa e a ordem de pagamento só virá após o final desse processo. O Cruzeiro foi procurado e confirma a informação. 

Quando o clube é derrotado em última instância, a Fifa emite o comunicado com o prazo para quitar a dívida. Geralmente, o período varia de 30 a 90 dias. Na dívida do Denilson, por exemplo, o Cruzeiro teve 90 dias para quitar. 

A ideia do presidente eleito, Sérgio Santos Rodrigues, é buscar uma negociação com os credores antes dos resultados finais. 

Leia também: ‘Quem achou que a gente tinha acabado vai morrer de raiva’, diz presidente aos atletas na Toca
Núcleo entrega Cruzeiro com conversas por R$ 5 milhões em patrocínios e por empréstimo de R$ 50 milhões

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    "A família me procurou no início do mês, estava preocupada por ele estar sem advogado", explicou o advogado #itatiaia

    Acessar Link